Vantagens e desvantagens do tratamento de ozônio na água

O tratamento de ozônio na água é um método alternativo de purificação da água que consiste na injeção do gás ozônio para eliminar impurezas e gerar um ambiente que evita a proliferação de microrganismos.

Nos Estados Unidos, o ozônio é considerado como um tratamento seguro pela FDA (Federal Drugs and Administration, equivalente à Anvisa de lá), e já é reconhecido como um dos melhores tratamentos para água no mundo. Inclusive, diversas cidades utilizam o tratamento com ozônio nas Estações de Tratamento de Água (ETAs) e Estações de Tratamento de Esgoto (ETEs). Japão, França, Holanda, EUA e Canadá são alguns dos países que já utilizam este tratamento normalmente em suas estações municipais. 

Uma das principais vantagens do tratamento de ozônio na água é a eficácia na eliminação de impurezas e patógenos. O ozônio é capaz de oxidar e destruir uma ampla variedade de contaminantes, como bactérias, vírus, fungos e compostos orgânicos, de forma rápida e eficiente. Como comparação, o ozônio é 3.120x mais rápido que o cloro em sua ação de oxidação. 

Além disso, o ozônio é um oxidante poderoso que pode remover odores indesejáveis, incluindo compostos orgânicos voláteis (VOCs) presentes comumente em indústrias, e melhorar o sabor da água.

Outra vantagem do tratamento de ozônio na água é a sua capacidade de remover as cloraminas, que são um dos resultados da reação do cloro com as impurezas da água. As cloraminas têm um cheiro característico e desagradável, e podem ter efeitos adversos na saúde, como agravar problemas alérgicos respiratórios (rinite, bronquite, asma) e ressecar a pele e cabelos. O ozônio é capaz de remover esses compostos, proporcionando uma água mais pura e segura para humanos e animais.

Por último, o custo de operação de um gerador de ozônio para tratamento de água é baixíssimo. O investimento inicial costuma ser mais alto do que o tratamento convencional com cloro, porém ele rapidamente se paga por não haver necessidade de compra, armazenagem e reposição de “cartuchos de ozônio” ou de comprar produtos químicos. O ozônio é produzido no próprio local a partir da eletricidade e do ar ambiente.

Vantagens do gerador de ozônio

  • Mais poderoso e rápido oxidante
  • Extremamente eficaz na eliminação de impurezas orgânicas, incluindo gosto e odor da água, e microrganismos
  • Remove as cloraminas da água
  • Custo de operação baixíssimo, pois é um equipamento 100% elétrico, sem necessidade de compra de insumos

Porém, devemos lembrar que o tratamento de ozônio na água não é milagroso. Por exemplo, como o ozônio é bastante instável, tende a se decompor rapidamente em gás oxigênio quando entra em contato com a água. Isso significa que é preciso adicionar continuamente ozônio na água para mantê-la purificada, ou utilizar um tratamento complementar com efeito residual para manter a água protegida até passar novamente pelo ozônio.

Além disso, em aplicações industriais ou de grande porte, é importante tomar certos cuidados para garantir que a injeção do ozônio seja feita corretamente. Para essas aplicações profissionais, mecanismos de segurança como um sensor de gás ozônio no ambiente, auto-shut-off da máquina e um destruidor de residual de ozônio são necessários para garantir a proteção dos funcionários e respeitar as normas vigentes. A Panozon faz parte das associações brasileira e internacional de ozônio e respeita as boas práticas internacionais desde sua fundação, em 2001. Em aplicações residenciais, como em piscinas e lagos, por se utilizar quantidades muito baixas, não há perigo nenhum no tratamento da água com ozônio.

Desvantagens do gerador de ozônio

  • Se decompõe rapidamente em gás oxigênio
  • Para grandes aplicações, a aplicação incorreta do gás ozônio pode ser perigosa, devendo ser feita sempre por profissionais qualificados
  • Em sistemas de grande porte, embora o custo de operação seja bem baixo, o custo de investimento inicial costuma ser mais alto

Quer saber mais? Explore nossas aplicações clicando aqui ou entre em contato com nosso time de especialistas por aqui.

Leia mais

Continue explorando

Como medir a geração de ozônio na piscina uti...
29 de abril de 2024
Como funciona o ionizador de piscina
11 de abril de 2024
Gerador de ozônio para piscinas: como funcion...
6 de abril de 2024
Alergia ao cloro na piscina: o que fazer
22 de fevereiro de 2024